sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Graça + obras = Graça??

Pensem comigo:

Se Jesus morreu por todas as pessoas, logo, qual é o efeito dessa morte para todas as pessoas??

Qual é o significado do sacrifício de Cristo??

Se você acredita no que diz Isaías 53, que Ele carregou sobre si as nossas transgressões, que agradou a Deus moê-lo por causa das nossas iniqüidades; que o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados; e que Cristo realiza a expiação (pagamento) dos nossos pecados; logo, se Cristo morreu mesmo por todas as pessoas, elas estariam todas salvas.

Mas e isso??
Porque a graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação a todos os homens, (Tito 2:11-12)

Bom, se você entende que "todos os homens" equivale a todas as pessoas do mundo individualmente, então precisará dar uma boa enrolada nesse texto..

Eu imagino que você leia esse versículo e pense:

"Na verdade ele diz que Jesus trouxe a POSSIBILIDADE DE SALVAÇÃO a todas as pessoas do mundo individualmente"

É, isso é o que a maioria acredita, mas aí há uma contradição séria:

Qual era mesmo o significado do sacrifício de Jesus??

Se era pagar pelos pecados, então a Salvação não é uma possibilidade e sim um fato consumado..
Se Jesus morreu por todas as pessoas do mundo individualmente, então carregou todos os pecados de todas elas e portanto todas estão justificadas perante Deus..

Mas se de alguma forma você ainda sustenta que além do sacrifício de Cristo é necessário que a pessoa faça sua parte, pense comigo numa situação hipotética:

Suponhamos que para entrar no céu haja uma pontuação geral e você precisa de 1 milhão de pontos, digamos então que o sacrifício de Jesus não paga todo o preço (já que por si só não leva a pessoa a ser salva se ela optar por isso), então vamos supor que o valor desse sacrifício seja de 999.999 pontos..

Nesse quadro podemos entender então que todas as pessoas tem um crédito de 999.999 pontos, mas são responsáveis por 1 ponto para completar o necessário (1.000.000 de pontos)

Ou seja, se todas as pessoas já tem os 999.999 pontos e precisam garantir somente o que falta PARA SEREM SALVAS, ENTÃO O QUE SALVA UMA E NÃO OUTRA É JUSTAMENTE A PARTE QUE COMPETE A ELA E NÃO O SACRIFÍCIO DE JESUS.

É uma função matemática simples..

Se sua parte é uma variável (depende de você), então seria algo assim:

Y = X + 999.999

O "Y" seria a salvação (se valer 1.000.000) ou a condenação (se não valer 1.000.000)
O "X" só pode ser 1 (se você fizer sua parte como deve) ou 0 (se não fizer)

Enfim, isso é salvação por obras, por mínimas que sejam..
Isso elimina a idéia de Salvação pela Graça (Efésios 2:8-9 e Romanos 11:6)

Se o que Jesus paga nessa dívida é só parte dela E PAGA POR TODOS, então o que define a salvação não é esse sacrifício e sim a parte que compete à pessoa..

Para não ser dessa forma, a função deveria ser (e é) mais simples ainda:

Y = 1.000.000

Sendo que esse 1.000.000 corresponde ao pagamento completo que Jesus efetuou na cruz..



Mas aí você pode dizer:

"Não Frezza, só as pessoas que ACEITAM JESUS (e Seu sacrifício) é que ganham esses 999.999 pontos"

OK, mas aí você está me dizendo que o sacrifício em si mesmo não tem propósito ou é ilógico..

É, porque se Deus é onisciente obviamente sabia que muitas pessoas "não aceitariam os 999.999 pontos", então qual seria o sentido em Jesus morrer por aqueles que não ganham com esse benefício?? De que valeu o sacrifício em si mesmo se com uma simples escolha a pessoa recusa esse benefício??

Pense comigo: se João 3:16 diz que Deus deu Seu FIlho para que todo aquele que crê não pereça, mas tenha a vida eterna, então Jesus morreu por todos ou somente pelos que crêem/creram/crerão NEle??


Aí você pode me dizer que na verdade o preço foi pago por todos mas pelo fato de alguns recusarem não tem a dívida paga, e aí eu repito que se Deus sabia que nem todos creriam é ilógico pensar que o propósito do sacrifício era pagar o preço por todos e não somente pelos que crêem/creram/crerão..


Ou seja, se você acredita que é sua escolha baseada no seu "livre arbítrio" que, somado ao sacrifício de Cristo te salva, então você acredita em salvação por obras, assim como pregam a maioria das seitas e religiões..


Como fugir disso??

Crendo que Jesus pagou o preço completo para salvar os que são Seus. Eles são justificados perante Deus devido a esse sacrifício e são conformados à imagem de Cristo.

Ignore a idéia de que é você quem define seu destino, pois, além de egocêntrica, essa visão esvazia o sentido do sacrifício de Jesus na cruz..

Ele morreu para GARANTIR vida eterna aos Seus e não para POSSIBILITAR a salvação, então creia que não é você quem vai a Ele e sim Ele que te chama e te salva.. Renda-se a Ele e viva aquilo que Ele tem pra você!!

Porque a Vontade DEle é BOA, PERFEITA e AGRADÁVEL e Ele por misericórdia e amor nos promete que TODAS COISAS COOPERAM PARA O BEM DAQUELES QUE O AMAM.


Ver o artigo ou a parte seguinte Ver o artigo ou a parte anterior Ver a página principal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...