domingo, 21 de dezembro de 2014

O CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA - O TRANSCENDENTE QUE SE ESVAZIOU (por Hernandes Dias Lopes)



“Todas as coisas foram feitas por intermédio dEle,
e, sem Ele, nada do que foi feito se fez” (João 1.3)
Referência para leitura: Colossenses 1.13-17


Aquela tenra criança nascida em Belém e envolta em panos, não é outro senão o próprio criador do universo. Foi Ele quem lançou os fundamentos da terra, mediu as águas na concha de sua mão e pesou o pó da terra em balança de precisão. Foi Ele quem mediu os céus a palmo e espalhou as estrelas no firmamento. Foi Ele quem colocou limite nas águas do mar e fez separação entre as águas e a terra seca.

Este vastíssimo e insondável universo com mais de noventa e dois bilhões de anos-luz de diâmetro foi criado por Ele e é sustentado pela palavra de seu poder. Sem matéria preexistente, o Filho de Deus trouxe à vida este colossal universo. Do nada Ele tudo criou. Não apenas criou, mas também sustenta toda a obra da criação. Ele é quem nos dá vida, respiração e tudo o mais. Dele vem a chuva e o sol. Ele é quem dá vida à semente e pão ao que tem fome.


NEle vivemos, nos movemos e existimos. Ele é a fonte de todo o bem. Ele é o dono e o governador do universo. Dele emana todo o poder. Ele é tudo em todos. Sem Ele nada podemos fazer. Jesus é o dom precioso de Deus para nós, pois, por amor de nós, pecadores, deixou a glória e veio ao mundo a fim de se identificar conosco, carregar sobre si os nossos pecados, morrer em nosso lugar, e nos dar a vida eterna.



“Antes, a si mesmo se esvaziou... tornando-se em semelhança de homens;
e, reconhecido em figura humana” (Fp 2.7)
Referência para leitura: Filipenses 2.5-11


Há muitos deuses no mundo. Todos, porém, são criados pelos homens. Existe apenas um Deus vivo e verdadeiro. Os deuses dos povos são ídolos que não têm vida nem poder de dar vida. O verdadeiro Deus não foi criado, é o Criador. Não passou a existir, é o Pai da eternidade. Não foi inventado pela imaginação humana, é a fonte de todas as coisas. Quem é este Deus? Qual é o tamanho deste Deus?

Ele é transcendente. É maior do que tudo o que existe. Nem o céu dos céus pode contê-lo. Mas, qual é o tamanho dos céus que Ele mediu a palmos? Os astrônomos afirmam que o universo tem mais de noventa e dois bilhões de anos-luz de diâmetro. Isso significa que, se voássemos à velocidade da luz, trezentos mil quilômetros por segundo, demoraríamos mais de noventa e dois bilhões de anos para ir de uma extremidade à outra.

Deus, sendo imenso e infinito, e, portanto, maior do que o universo, esvaziou-se e tornou-se um bebê, nasceu de uma virgem e foi enfaixado em panos. O eterno entrou no tempo e vestiu pele humana. Sendo o Rei da glória, fez-se servo e o menor deles. Sendo o criador, o sustentador e o dono do universo, fez-se pobre. O Verbo eterno, pessoal e divino fez-se carne e armou Seu tabernáculo entre nós. Bendito mistério, sublime mistério, o mistério do Natal!



Extraído de "CADA DIA", Volume 34, nº12, Dezembro de 2014. (LPC Comunicações).

- O CRIADOR DOS CÉUS E DA TERRA
- O TRANSCENDENTE QUE SE ESVAZIOU


Ver o artigo ou a parte seguinte Ver o artigo ou a parte anterior Ver a página principal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...