quinta-feira, 22 de março de 2012

Soberania e empatia em Romanos 9


Digo a verdade em Cristo, não minto; minha consciência o confirma no Espírito Santo:
tenho grande tristeza e constante angústia em meu coração.

Pois eu até desejaria ser amaldiçoado e separado de Cristo por amor de meus irmãos, os de minha raça,

o povo de Israel. Deles é a adoção de filhos; deles é a glória divina, as alianças, a concessão da lei, a adoração no templo e as promessas.
Deles são os patriarcas, e a partir deles se traça a linhagem humana de Cristo, que é Deus acima de tudo, bendito para sempre! Amém. 


(Romanos 9:1-5)


Romanos 9 é tido com o capítulo mais determinista da bíblia, onde se encontram evidências fortíssimas da eleição divina soberana baseada na predestinação e não na presciência..
Nesse capítulo vemos "duras verdades" sendo expressas de forma transparente, e Paulo inclusive afirma que essa Soberania não pode ser questionada pela criatura perante o Criador (v. 20)..

PORÉM, logo nesse início destacado no começo, Paulo confessa sua dor pelos judeus perdidos.. Ou seja, mesmo sendo ferrenho defensor da Verdade e inclusive deixando claro que isso poderia custar até suas amizades (Gálatas 4:16), ele nos revela que não queria que esse povo fosse condenado..

Ou seja, ele era submisso em anunciar sobre os desígnios de Deus mas isso de forma nenhuma o impedia ou contrariava sua compaixão pelos judeus.. Ele não era altivo e não deixou de amar aquele povo somente porque eles estavam cegos e relutantes ao evangelho, mas deixou para nós uma prova dessa consideração a ponto de dizer que trocaria de lugar com eles (empatia)..


Então vejo que com isso a missão do cristão é sim de anunciar a Verdade, doa a quem doer, mas é também de se colocar no lugar daqueles que ainda não enxergam e rejeitam essa Verdade, coisa que somente é possível através de relacionamento..

A crença na Soberania de Deus de forma nenhuma deve nos transformar em seres insensíveis, já que o entendimento consciente de que somente (E TÃO SOMENTE) pela Graça é que somos salvos deve nos manter humildes e empáticos àqueles que estão na mesma condição que naturalmente já estivemos..

Que Deus nos capacite!!


Thiago Ibrahim disse...

Excelente, Frezza!

Dia desses também pensava em como as vezes por acharmos que somos eleitos, fazemos pouco caso das pessoas que não têm o conhecimentos que a nós foi revelado.

Obrigado por compartilhar essa reflexão conosco e continue a pensar e escrever.

Abraço!

Barrabás disse...

Valeu, Thiago!!

Eu vejo que a bíblia apresenta muitos paradoxos e que só Deus mesmo para nos encaminhar a agir como devemos..

Abraço!!

Ver o artigo ou a parte seguinte Ver o artigo ou a parte anterior Ver a página principal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...